Grupo Ruah

CANTOS P/ MISSA DA PRIMEIRA EUCARISTIA

Leituras

 

1ª leitura: Dt 8, 2-3.14b-16a = Lembra-te de todo o caminho por onde o Senhor teu Deus te conduziu.

Salmo Responsorial: Sl 115 = O cálice por nós abençoado é comunhão com o Senhor.

2ª leitura: 1Cor 10, 16-17 = Porque há um só pão, nós todos somos um só corpo.

Evangelho: Jo 6, 51-58 = Eu sou o pão vivo descido do céu.

 

Abaixo, seguem alguns cantos litúrgicos (cifras e áudio) indicados para esta celebração:

 

 

ENTRADA (1)

(“Hoje é festa diferente”, de Ir. Míria Kolling)

 

                C          F                   G7                 C

1) Hoje é festa diferente pra quem vive como irmão

           Dm                  C                     D7                G

Nossa mesa tem mais gente, cresce a nossa comunhão

              C             F                G7             C   C7

Sim, cantando nós iremos ao encontro do altar

             F         Cº        C     Am     D7        G7          C

Porque nós também queremos este Pão que ajuda a amar.

 

 F         C         G7                     C

Pai do Céu / ó dá-nos de Teu Pão

  F         Em    Dm       G7        C

Que nos faz viver em Comunhão!

 

2) Hoje é festa da esperança amanhã será melhor

Uma Igreja sem criança é jardim que não tem flor

Sim, parece um sonho lindo ter o céu em nossas mãos

Com Jesus a nós se unindo, nós seremos mais irmãos.

 

3) Sendo assim nossa comida, Cristo quer só construir

Sua Igreja: Gente unida para o mundo redimir

A Divina Onipotência, como o sol da vida à flor,

Vai fazer nossa inocência, pôr no mundo mais amor.

 

4) Hoje é festa bem celeste, Oh! Crianças que cantais!

Outro Amigo como Este não encontrareis jamais!

Não é sonho, não me iludo: bem na palma desta mão

Eu terei meu, Deus meu Tudo… Bate forte, ó coração!

 

ENTRADA (2)

(“Que alegria estarmos reunidos como irmãos”, de autor anônimo)

 

E          B7      A                                       E   E7

Que alegria estarmos reunidos como irmãos.

          A                                 E     C#m       F#m            B7        E

Pelo Pai somos todos convidados à Eucaristia que faz comunhão.

E          B7       A                            E   E7

Que alegria estarmos reunidos na fé,

            A                                      E   C#m              F#m        B7    E

Somos todos convidados ao banquete a festa é de Jesus de Nazaré.

 

   C#m                        F#m           B7                                E  E7

1) Deus nos fez todos irmãos conduziu nosso caminho para fé. 

                  A                                E   C#m                F#m                  B7        E

Quem é a igreja somos nós comunidade, crescendo em comunhão com Deus Javé.

 

2) Jesus é nosso maior presente aqui na terra iniciou sua missão.

Quem é seu povo somos nós comunidade, crescendo com Cristo em comunhão.

 

SALMO RESPONSORIAL

(Salmo 115)

 

     A   E7                A    D

O cálice por nós abençoado
E7                      A                         E4 E    A

É a nossa comunhão com sangue de Jesus.

 

    F#m                                       C#m

1) Que poderei retribuir ao Senhor Deus,
 D                                                     E7

Por tudo aquilo que ele fez em meu favor!
 F#m                                  C#m

Elevo o cálice da minha salvação
 D                                            E7

Invocando o nome santo do Senhor.

 

2) É sentida por demais pelo Senhor,
A morte de seus santos, seus amigos,

Eis que sou o vosso servo, ó Senhor,
Vós me quebrastes os grilhões da escravidão.

 

3) Por isso oferto um sacrifício de louvor
Invocando o nome santo do Senhor.
Vou cumprir minhas promessas ao Senhor,
Na presença de seu povo reunido.

 

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

(“Aleluia, eu sou o pão vivo”, de Coral Palestrina)

 

      G    Em  D7  C   G D7 G

Aleluia, aleluia,  aleluia! (2x)

 G                                         D7                                                               G

Eu sou o pão vivo descido do céu / Quem deste pão come, sempre há de viver.

 

APRESENTAÇÃO DAS OFERENDAS

(“Venho, Senhor, oferecer”, de Maria do Rosário)

 

Em9                            D   Em9                                  D

   Venho, Senhor, oferecer       com esse vinho e esse pão

C                                     Em9   Am            D                     Em    C  B

   Tudo que existe em meu ser        Tudo que há em meu coração

Em9                            D   Em9                      Bm

   Vejo agora em Teu altar       essa oferta de amor

C                                     Em    Am       B                  Em     A/B

   Quero também Te consagrar        toda minha vida Senhor

 

     E               G#m            C#m      C#7

E quando este Pão for levantado

   F#m             A                   B

E junto com o vinho consagrado

         E                     E7        A            D7/9

Também as minhas mãos a Ti levantarei

     Em         Am    B7        Em

Entoarei louvores ao meu Rei  

 

COMUNHÃO (1)

(“Milagre de amor”, de Juliana de Paula)

 

C                        G/B                 Am        Am/G                           F

   Que bom te receber no meu coração / te tocar, tê-lo em minhas mãos,

         C/E            Dm                F/G

com carinho te acolher e contigo ser um só.   

 C                           G/B            Am                Am/G                F

    Ter contigo uma perfeita comunhão / Corpo e sangue, vinho e pão.

                 C/E    Dm              G

Milagre de amor,         fonte de vida.

 

                F              G/F             F                      G/F                

Ó meu Jesus Eucaristia, eu te recebo em comunhão,

                      F                   C/E

pois mesmo sem que eu mereça, 

                     Dm                        G

vens fazer morada no meu coração. 

            F                 G/F

Eu te adoro meu Jesus, 

             Em                       Am

doce mistério no meu coração. 

                  F                         C/E               

Como um Deus tão grande e soberano se faz 

      Dm                          G7                   C   

pequeno um pedaço de pão. Só por amor.

 

COMUNHÃO (2)

(“O pão do céu”, de Focolares)

 

D            A/C#    G             D (A/C#)

O pão do céu,     és  Tu Jesus

Bm        Em    G           A              D (G A)

Via de amor, nos transformas em Ti!

 

     G                    Em           A     F#m            G               D

1) Não, Tu não deixaste fria a terra, Tu permaneceste entre nós

  G          A           D (A/C#)  Bm              A     Bm          A               F#

 Nos alimentas de Ti /           És o Pão da Vida, inflamas com o Teu amor

 A           G               A  

Toda a humanidade.

 

2) Sim, trouxeste o céu sobre esta terra, Tu permaneceste entre nós,

E nos leva contigo / A Tua casa, onde estaremos junto a Ti

Toda a Eternidade.

 

3) Não, a morte não pode nos causar medo, Tu permaneceste entre nós,

E quem vive de Ti / Vive para sempre, Deus entre nós, Deus para nós

Deus em meio a nós.

 

ENVIO

(“O pão da vida, a comunhão”, de Pe. José Weber)

 

D            A7                  D                        A7                    D

O pão da vida, a comunhão / nos une a Cristo e aos irmãos:

             G                      D                   A7                   D

e nos ensina a abrir as mãos / para partir, repartir o pão.

             G                      D                   A7                   D

e nos ensina a abrir as mãos / para partir, repartir o pão.

 

                 F#             Bm                   B7                   Em

1) Lá no deserto a multidão / com fome segue o bom pastor.

               Bm                   F#                      G          F#7      Bm    D

Com sede busca a nova palavra: Jesus tem pena e reparte o pão

 

2) Na Pascoa nova da nova lei, / quando amou-nos até o fim

Partiu o pão disse: “Isto é meu corpo por vós doado: tomai, comei!”

 

3) Se neste pão, nesta comunhão, / Jesus nos dá a própria vida

Vamos também repartir os dons / doar a vida por nossos irmãos

 

4) Onde houver fome, reparte o pão / e tuas trevas hão de ser luz

Encontrarás Cristo no irmão / serás bendito do eterno Pai.

 

5) Não é feliz quem não sabe dar, / quem não aprende a lição do altar

De abrir a mão e o coração / para doar-se no próprio dar.

Nenhum comentário